O que é Contaminação Cruzada?

Ao preparar os alimentos em sua cozinha, você deverá ter muito cuidado durante a manipulação e higienização dos utensílios a fim de evitar a contaminação cruzada.

A nutricionista materno- infantil Juliana Marçal esclarece:

“A contaminação cruzada é a contaminação de um alimento sem alergênico, por outro alimento alergênico através do contato durante a manipulação, preparo, envase e armazenamento.

juliana marçalIPor exemplo, se ao elaborar uma torta sem leite você usar uma faca, que cortou um queijo antes, sem lavá-la. Mesmo que não tenha leite e derivados nos ingredientes da torta, a preparação conterá traços de leite que estavam na faca devido à contaminação cruzada.

➡ Sempre lave as mãos antes de iniciar a preparação de qualquer alimento.

➡ Prepare os alimentos e refeições sem alergênico primeiro, posteriormente prepare os outros alimentos. Caso não seja possível, lave as mãos, limpe bancada, superfície e utensílios antes de iniciar o preparo do alimento sem alergênico.

➡ Não utilize a mesma espátula ou talher para mexer ou servir uma preparação que já teve contato com algum alimento alergênico.

➡ Descarte todos os utensílios de plástico que já tiveram contato com alimentos alergênicos. O plástico é um material poroso e adere aos resíduos alimentares. Já os utensílios de inox, vidro e alumínio poderão ser reutilizados, se higienizados da maneira adequada.

➡ Separe uma esponja de lavar a louça somente para lavar utensílios de cozinha, utilizados em alimentos sem alergênicos. Pois a esponja que lavar utensílios que contenha resíduos de alimentos alergênicos, estará contaminada.

⚠ Ao conservar os alimentos na geladeira ou freezer, utilize vasilhas com tampas herméticas e não deixe o alimento destampado, pois pode haver contaminação acidental.

⚠ Restaurantes tipo self-service, não são seguros para alérgicos alimentares, pois o risco de contaminação cruzada por mistura de utensílios é maior .

⚠ Consulte sempre os rótulos dos alimentos industrializados, para se certificar que não contém o alimento alergênico em sua composição e em caso de dúvidas consulte o SAC.”

⚠ Em relação ao glúten, o ambiente em que são preparados os alimentos deve ser exclusivo para o preparo de alimentos sem glúten. Consulte o Guia de Boas Práticas para evitar a Contaminação por Glúten, elaborado pela nutricionista Noadia Lobão e disponibilizado pela Fenacelbra, clicando aqui.

Referência:

Renata Pinotti. Guia do bebê e da criança com alergia ao leite de vaca, 1ª edição, Rio de Janeiro, AC Farmacêutica, 2013.